A pandemia e a revolução possível

O maior problema do Brasil hoje, quando nos aproximamos da terceira década do século XXI, não é a pandemia que, nesse início de agosto de 2020 – quando escrevo este artigo – já contaminou quase 3 milhões de pessoas e matou cerca de 100 mil brasileiros e brasileiras. Mesmo que seja uma grande catástrofe sanitária, uma das maiores da nossa história, não é o nosso principal problema. Também não é a violência urbana, que vitima aproximadamente 50 mil pessoas por ano, em sua maioria negros e pobres. Tampouco o principal problema do Brasil é o governo Bolsonaro, eleito em eleições livres, mas que governa como se fosse um títere dos militares e da banca financeira, ou seja, de costas para os proble

Procurar por tags
Arquivo

© 2015 por Bruna Rocha. Orgulhosamente criado com Wix.com