Poesia falada e professores ganham mais espaço na Flip


A poesia falada, que vem tomando ruas e espaços urbanos, também conhecida por slam, terá um destaque especial na 17ª edição da Festa Literária Internacional de Paraty (Flip), de 10 a 14 de julho.

Enquanto a programação oficial contará com uma competição de slam com poetas internacionais e uma batalha na Casa da Cultura de Paraty, o Colégio Estadual Engenheiro Mario Moura Brasil do Amaral (Cembra) abrirá o microfone para autores locais e de fora. O Cembra é parceiro da Liga Brasileira de Editoras (Libre), que também promoverá debates sobre a importância da leitura.

A Libre promoveu o Sarau da Cooperifa e o Slam das Minas, recentemente, na Biblioteca Mário de Andrade, em São Paulo, no Esquenta Primavera, divulgando também os selos com a produção poética dos autores na feira de livros. Agora, quer reforçar a visibilidade para os versos no Cembra e na Casa Libre e Santa Rita da Cassia, em Paraty, reafirmando a posição de ser a entidade que mais congrega editoras independentes no país.

“Vamos ressaltar as bandeiras da bibliodiversidade e da colaboratividade, marcas também dessa parceria com a Cassia Carrenho, da Casa Santa Rita e do LabPub. Nesse contexto, dar voz a quem precisa falar, e que tem muito a contar, está entre as nossas missões. Com a biblioteca do Cembra, queremos destacar a figura do mediador de leitura, que tem papel central na formação de leitores”, diz a presidente da Libre, Raquel Menezes.

Leitura na sala de aula

No dia 10, a Casa abrirá os trabalhos com uma programação voltada exclusivamente para os professores, durante todo o dia, sublinhando a importância da formação de leitores e da inclusão pelo livro. Serão abordados temas como “Literatura e muitas diversidades”, “Metodologia no plural: acolhendo e potencializando outros repertórios”, “Como nascem as histórias” e “Bibliotecas transformadoras”.

No dia 11, às 11 horas, a Biblioteca MAR, do Cembra, receberá a escritora Conceição Evaristo para um bate-papo especial. Depois, às 17 horas, acontecerá uma performance poética com Lucas Matos. Às 18 horas, será a vez dos lançamentos dos livros dos professores Luiz Américo Araújo Vargas e Ricardo Vigna, além de apresentação musical “Letras poéticas”, com poemas musicados de Vigna. No dia 13, às 10 horas, terá o Café Literário e a Roda de Poesia "Bliss convida 10 anos".

A Casa Libre e Santa Rita da Cassia funcionará na Rua da Lapa, 200, no Centro Histórico de Paraty, das 10 horas às 22 horas, sempre de portas abertas. Já o Cembra fica na Rua Marechal Deodoro 479, com espaço para ouvir poesia, mesas de debates e uma feira de livros com descontos, promovida pela Libre e mais de 20 editoras independentes.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

© 2015 por Bruna Rocha. Orgulhosamente criado com Wix.com